Backstage e Desfiles MW 2013: Patrícia Motta, GIG, Vivaz

Os desfiles mais lindos do MW, sem dúvida, foram os da quinta-feira pela manhã. Não sei se o cenário, Praça da Liberdade, ajudou. Mas as roupas casaram perfeitamente com a atmosfera do desfile. Foi lindo!

Patricia Motta trouxe a sofisticação e a liberdade artística dos anos 20, o glamour e a criatividade do Art Déco. No shape típico da época, vimos silhuetas tubulares e cinturas mais baixas. O couro ganha formas diferentes como o plissado, o vazado, os bordados e as aplicações geométricas sobre o tule, formando mosaicos. O python é trazido para o verão de forma mais suave, tanto no toque quanto nos tons.

A beleza do desfile é de todos, a mais elaborada. Sombras coloridas como amarelo, e ainda sim com pontos de luz esverdeados. A boca veio colorida em um rosa suave. E headbands enfeitavam as cabeças das modelos.

O desfile da GIG, o novo romantismo foi revelado nos tons suaves de verde, salmon e rosa. A coleção é inspirada em Emily Dickinson, poetisa americana, e sua paixão pelas flores que cultivava em seu próprio jardim. As modelos desfilaram em vestidos em rendas florais e jacquard ricos em texturas. Os fios de lurex holográficos são a grande diferença na tendência candy color.

Nos cabelos, a marca optou pelos rabos-de-cavalo médio. E a make ficou por conta do blush bem marcado, em sua maioria, em tons terrosos. E o batom em um tom de rosa mais escuro.

O tema “Balneário Vintage” da Vivaz apresentou o clima das praias dos anos 50 e 60. Maiôs e biquinis, como decotes frente unica e hot pants preencheram a coleção de verão da grife. A transparência por cima dessas peças resultou em belos vestidos usáveis tanto de dia quanto a noite.

Além dos tecidos fluídos, as peças também contam com bordados a mão com cristais Swarovski Elements. Luxo puro né? A tendência candy color vem fortíssima juntamente com o neon que agora volta às peças e não somente nos acessórios.

A maquiagem das modelos veio bem diurna, com sombra laranja e lápis bege na linha dágua dos olhos, para aumentar e iluminar o olhar. O coque baixo, traz uma sofisticação “não-intencional”, digamos assim.

Gostaram meninas? Querem mais coberturas assim detalhadas?
Beijocas!
Fotos: FotoSite e Deborah Zandonna

Compartilhe:

Deborah Zandonna

Deborah Zandonna, mineira de Belo Horizonte, tem 28 anos e é formada em Publicidade pela PUC Minas e em Consultoria de Imagem pela École Supérieure de Relooking Paris, além de cursos como Fashion Campaign & Advertising do Instituto Marangoni-Milão. E atua nos campos de Moda, Marketing e Midias Digitais.

Meus trabalhos /jobs

Personal Stylist

Consultoria de imagem, de estilo, visagismo, personal shopper

Palestras

De marketing digital a produção de conteúdo de moda na Internet

Eventos

Bate-papo e palestras abordando moda, praticidade e consultoria