Como Usar: Tendência Shift Dress

Ás vezes eu fico viajando em lojas virtuais e blogs de streetstyle de madrugada, pesquisando tendências, looks e inspirações. Confesso que se tenho um vício, é esse! Passo hooooooras olhando roupas e acessórios. E numa dessas “viagens”, me deparei com os Shift Dresses, e muuuitos looks usando eles. Apaixonei.

O que são Shift Dresses? Um pouco de história: Surgiu nos anos 20, época das melindrosas e mudança cultural, na qual a silhueta era tubular, o vestido deixa as pernas, braços e costas à mostras, facilitando os movimentos frenéticos do Charleston – uma dança com movimentos para os lados a partir do joelho – logo depois, esse modelo de vestido foi consagrado como um clássico por Coco Chanel, que defendia o conforto e a liberdade!

Basicamente, os Shift Dresses são vestidos curtos, sem mangas, com corte simples e reto, base mais larga, como o formato da letra A e a cintura deslocada. A vantagem desse vestido é uma forma clássica que pode ser usado em ocasiões mais formais (digamos, conhecendo a sogra hahaha) e também pode ser combinado com uma sapatilha, um loafer e se você jogar uma camisa aberta por cima fica super cool e descontraido, principalmente se o vestido vier com estampas.

Gostaram? Beijocas!

Compartilhe:

Deborah Zandonna

Deborah Zandonna, mineira de Belo Horizonte, tem 28 anos e é formada em Publicidade pela PUC Minas e em Consultoria de Imagem pela École Supérieure de Relooking Paris, além de cursos como Fashion Campaign & Advertising do Instituto Marangoni-Milão. E atua nos campos de Moda, Marketing e Midias Digitais.

Meus trabalhos /jobs

Personal Stylist

Consultoria de imagem, de estilo, visagismo, personal shopper

Palestras

De marketing digital a produção de conteúdo de moda na Internet

Eventos

Bate-papo e palestras abordando moda, praticidade e consultoria